Amigdalite Dor de garganta Faringite

Dor de garganta é coisa séria, fique atento aos sintomas da faringite e amigdalite

5 de Janeiro, 2015

Dor de garganta é uma causa muito comum de atendimento médico. Na maioria dos casos, é de origem viral1. Mas também pode ser provocada pela bactéria estreptococo do grupo A, responsável pela faringite em 20% a 30% das crianças e 5% a 15% dos adultos2.

Os sintomas são: dor de garganta, febre alta, calafrios, dores musculares e dor de cabeça. Em crianças pequenas, podem surgir também dores abdominais, náuseas e vômitos2.

O diagnóstico clínico se baseia em alguns sinais e sintomas, como: temperatura acima de 38o C, ausência de tosse, presença de gânglios aumentados, amolecidos e dolorosos no pescoço, aumento do volume das amígdalas ou presença de uma camada esbranquiçada na superfície delas2
 
Em caso positivo, o tratamento é realizado com antibióticos, pois eles encurtam a duração dos sintomas, reduzem o risco de formação de abscessos com pus na faringe e nas amígdalas e matam a bactéria2.
 
Aos primeiros sintomas, marque uma consulta. Sem nenhum tratamento, o estreptococo persiste na faringe por até seis semanas e pode se tornar mais grave, provocando febre reumática e problemas renais2,3.
 
Antibiótico é coisa séria. Respeite sua receita.

Deixe um comentário

Posts relacionados

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe um comentário

Post anterior

Antibiótico e retenção de receita: tire suas dúvidas

Próximo Post

Antibióticos de amplo espectro no combate à pneumonia